top of page
  • Cityfarm

Iluminação artificial para hortas


A iluminação artificial para hortas em áreas urbanas densamente povoadas tem se mostrado uma solução promissora para enfrentar os desafios de sombra e falta de luz solar nos grandes centros urbanos. Em um cenário onde os edifícios e infraestruturas causam áreas de sombra significativas, a iluminação artificial pode compensar a falta de luz natural e permitir o cultivo de plantas saudáveis em espaços internos.

Com o uso de tecnologias de iluminação artificial, é possível suplementar ou substituir a luz natural, permitindo o cultivo local em espaços internos, como varandas, terraços, porões ou salas com pouca ou nenhuma exposição solar direta.


A iluminação artificial baseia-se nos conceitos de PPF (fluxo de fótons fotossinteticamente ativos) e PPFD (densidade de fluxo de fótons fotossinteticamente ativos). Esses termos descrevem a quantidade de luz disponível para as plantas e são cruciais para garantir um crescimento saudável. Além da quantidade de luz, a qualidade espectral também desempenha um papel fundamental no cultivo de plantas. A luz natural contém diferentes comprimentos de onda, que podem ser separados em espectros de cores. Cada cor tem um efeito específico nas plantas, influenciando seu crescimento, floração e fotossíntese. A ciência já identificou que as plantas têm maior absorção de luz nas regiões azul (400-500 nm) e vermelha (600-700 nm) do espectro, enquanto o verde (500-600 nm) é menos absorvido. Portanto, muitas fontes de luz artificial para hortas são projetadas para fornecer uma proporção equilibrada de azul e vermelho para otimizar a fotossíntese.

Quando se trata de iluminação artificial para hortas, a quantidade de luz diária fornecida às plantas também é um fator essencial para seu crescimento saudável. A luz é a fonte de energia para a fotossíntese, processo pelo qual as plantas convertem a energia luminosa em energia química. A duração ideal da exposição à luz varia de acordo com a espécie de planta e seu estágio de desenvolvimento. Em geral, a maioria das hortaliças requer de 12 a 16 horas de luz diária para maximizar o crescimento e a produção.

Aqui na Cityfarm queremos possibilitar que todos possam ter a experiência de cultivar o próprio alimento e por isso estamos lançando a versão da "Minha Horta" indoor. Se você tem um espaço sem sol ou com pouca incidência de luz esse é o modelo ideal para que você consiga ter hortaliças sempre fresquinhas em casa. Entre em contato com a gente para saber mais sobre essa novidade!

Comments


bottom of page