Fazenda vertical urbana



O crescimento da população mundial e da concentração das pessoas vivendo nos grandes centros urbanos traz novos desafios para a produção e o abastecimento de alimentos. Estima-se que seremos 9 bilhões de pessoas até 2050 e que 90% estarão vivendo nas cidades. Para suportar esse crescimento na demanda por alimentos será necessário um novo olhar para o consumo e produção e, produzir alimentos de maneira eficiente e sustentável torna-se cada vez mais importante. Vivemos um modelo onde cerca 30 a 35% de tudo que se produz é desperdiçado, ao longo da cadeia, devido a fatores climáticos, transporte, distribuição e armazenamento. Os prejuízos financeiros e o impacto ambiental são enormes e não se sustentam mais.

Diversas iniciativas ao redor do mundo buscam alternativas para essa problemática visando aproximar o consumidor do produtor e despertar uma consciência ambiental. As hortas urbanas espalhadas pelas cidades são um ótimo exemplo de iniciativas que já viraram realidade e contribuem para levar um alimento fresco, saudável e acessível, além de estimular o convívio em comunidade e o poder da colaboração. Contudo, só no Brasil, por exemplo, são consumidos mais de 1.300 toneladas de folhosas por ano e com o aumento dessa demanda, soluções com uso de tecnologia começam a surgir como possibilidades sustentáveis.



As Fazendas urbanas verticais

As fazendas verticais dentro das cidades começam a ganhar relevância no cenário de produção de alimentos. Esses modelos de cultivo são capazes de controlar e otimizar água, temperatura e a luz, removendo os riscos inerentes à fatores climáticos e aumentando a produtividade. O uso do ambiente controlado também elimina os riscos de pragas, muito comum no cultivo tradicional e, portanto, acaba com o uso de agrotóxicos, melhorando assim a qualidade dos alimentos.

Um dos grandes desafios das fazendas urbanas verticais com cultivo indoor é uso de energia elétrica. Para fornecer a luz necessária às plantas são necessárias grandes quantidades de lâmpadas. Algumas grandes fazendas já utilizam placas de energia solar para suprir o consumo de energia e com a tecnologia ficando cada vez mais acessível se tornarão, em breve, uma opção viável para pequenos produtores também.

As lâmpadas de LED também são uma ótima opção para redução do gasto com energia já que são mais eficientes. Podem ser controlados os espectros de luz emitidos por ela para cada tipo de cultivo, evitando desperdício de energia e dissipação de calor no ambiente.

As estantes utilizadas no cultivo vertical também reduzem o consumo de água para irrigação já que possuem um processo de recirculação da água. Estima-se uma economia de até 95% na utilização de água.

O mais incrível é que esse avanço que a tecnologia traz à agricultura permite-nos cultivar em qualquer lugar. De galpões e edifícios enormes a containers e garagens.


Aqui na Cityfarm produzimos uma grande quantidade de microgreens em um ambiente controlado de apenas 50m².


Se você precisa de ajuda para entender os equipamentos e técnicas necessárias para começar uma produção comercial de microgreens em cultivo indoor, nós temos um material de consultoria com tudo que você precisa saber para montar seu projeto. Agende seu horário por contato@cityfarmbrasil.com.br ou por aqui: https://bit.ly/2m5KI1u

85 visualizações

Prazo de entrega - 5 a 7 dias úteis

CNPJ: 32.428.984.0001-00

  • Facebook
  • Instagram
WhatsApp-icone.png

Rua Ibituruna, 1085 F - Saúde São Paulo, SP 04302-052